Atriz fecha sessão pra famílias de baixa renda assistirem filme sobre negras que revolucionaram a NASA.

O filme “Estrelas Além do Tempo” conta a história de três mulheres negras que foram o verdadeiro cérebro trás de um dos maiores feitos dos EUA: o lançamento do astronauta John Glenn (que faleceu nesta semana) em órbita ao redor da Terra e seu retorno em segurança em 1962. Foram elas: a matemática Katherine Johnson vivida por Taraji P. Henson e as amigas, a engenheira Mary Jackson, interpretada por Janelle Monae, e a matemática Dorothy Vaughan, que tem Octavia Spencer no papel.

Acontecia o auge da Guerra Fria protagonizada por Estados Unidos e União Soviética e também a corrida espacial, disputa entre os dois países pela supremacia na exploração e tecnologia espacial. Naquela época, negros e mulheres eram tratados como funcionários de segunda classe na agência espacial americana e o trio de cientistas enfrentou e superou preconceitos de gênero e raça.


Consciente sobre a importância da representatividade e de seu papel social, no último final de semana a atriz Octavia Spencer fechou uma sessão inteira do filme especialmente para famílias de baixa renda.

Em seu Instagram ela escreveu:

“Se você conhece uma família que gostaria de assistir nosso filme, mas não pode pagar, os traga”, escreveu. “Minha mãe não poderia pagar pra levar meus irmãos e eu, então estou homenageando a ela e a todas as mães solteiras neste #mlkweekend. Minha mãe nos ensinou a ver as pessoas como pessoas. Todas elas como pessoas. Nos ensinou a entender nosso lugar no mundo. E nosso lugar no mundo é: se você quer ser um líder, seja! Você pode!”, concluiu.

A hashtag #mlkweekend é referente ao Martin Luther King Weekend, feriado em homenagem ao líder do movimento dos direitos civis dos negros nos EUA.

O filme é uma adaptação do livro Hidden Figures: The Story of the African-American Women Who Helped Win The Space Race e tem data marcada de estreia no Brasil em 2 de fevereiro. Nos Estados Unidos, onde entrou em cartaz em 25 de dezembro, o longa está liderando as bilheterias e está muito bem cotado para receber indicações para o Oscar de Melhor Filme e Melhor Atriz Coadjuvante (Octavia Spencer).



Sobre o autor
Adenilton Cerqueira é fundador e diretor editorial da Black Brasil, conhecido entre os amigos como Théo, baiano,  feirense de nascença e soteropolitano de coração, é radialista, e blogueiro nas horas vagas. continue lendo aqui  

 
Black -Brasil © 2006 - Adenilton Cerqueira